domingo, agosto 05, 2007

mi liga, vai...

.
H
á um retesado cão — canis major ou canis minor ? — à espreita no músculo cardíaco, cuore, de cada homem, que toma conta do corpo ser todo num acto puro de dissolução amorfa, concreta na essência categoricamente imperativa dos sonhos.


Um cão gigantesco louco e doido varrido faminto de cadelas ciosas de clitóris húmidos, túrgidos, ansiosos e a pingar quentes desejos molhados com aroma a maresia.

Um cão de caninos dentes afiados prontos a cravarem-se no saboroso pedaço naco apetecível curvilíneo e ignoto. Somatório inadiável da existência no espaço e no tempo.

O pedaço que podes ser tu. Assim tu o queiras. Assim tu o desejes.

Telefona-me.


imagem: © josé antónio 2007 / CLIQUE PARA AMPLIAR
.

4 comentários:

Rui Freitas disse...

Caro Amigo,
Deixei-lhe um desafio no meu "blog" (http://pacodearcos.blogs.sapo.pt/)Já vi que temos um livro em comum!
Um Abraço.

José António disse...

.

Caro Amigo Rui Freitas,

Já lá estive no Pinhanços Dixit para tomar conhecimento do desafio.

Claro que fiquei 'excitado' com o mesmo e já estou a pensar na resposta.
Aqui aparecerá ela assim que pronta.

Abraço,

.

Isabel Magalhães disse...

O meu 'canis major' tem o nome de 'Diogo Cão' e envia-te um

'Pat'aí'! :))))




[]
I.

José António disse...

.

E sai um grande AU AU para o Diogo Cão !!

bjs para a dona,

.