sábado, fevereiro 17, 2007

moderação

.
Caros Amigos e Visitantes,

Muitos de vós estranharão que um espaço que sempre esteve de portas abertas a comentários e cuja única restrição era a caixa de verificação de caracteres (motivada por uma gigante entrada de spam) apareça agora com Moderação de Comentários.
Não se zanguem porque esta modalidade nada tem a ver convosco. Gosto imenso de vos ter por cá e agrada-me que deixem as vossas opiniões, boas ou menos boas a respeito, quer deste blog, quer das matérias nele expostas.

O que se passa é que existem pessoas, e pelo que tenho constatado desde que construo espaços na Internet, já lá vão uns bons 4 ou 5 anos, o número tende a aumentar exponencialmente (degradação da saúde mental em Portugal?), existem pessoas dizia eu que, escondidas no anonimato, sintoma de cobardia, infestam muitos espaços com o único fito de explorarem/descarregarem as suas frustrações, taras, manias, fobias, psicopatias e azedumes com o mundo, agredindo verbalmente aqueles que frequentam estes espaços, incomodando toda a gente e perturbando o normal funcionamento dos mesmos. Em especial, comprometendo uma essencial função destes espaços nesta sociedade em que aumenta a solidão humana e em que este lugares são para muitos um local para conviverem e se sentirem menos sós, por terem alguém que os ouve e com quem podem falar. Os blogs, já o tenho dito, cumprem hoje uma função social similar à que os cafés cumpriam antigamente.

Refiro-me em concreto a um comentador registado, mas que 'convenientemente' tem o registo indisponível, o que mostra a sua falta de verticalidade, lealdade, hombridade e capacidade para se expor com altivez e verdade como todos nós, pois quem assume aquilo que diz não esconde a 'cara', comentador este que assina com o nick de MAJOR SILVÉRIO e que nos últimos tempos tem vindo quase diariamente a este blog deixar carradas, só hoje foram ca. de 18, de comentários em que apenas me insulta, num vernáculo de fazer corar um carroceiro. Insulta, julga ele, pois estes ataques soezes cometidos à traição na escuridão do anonimato são actos de cobardia que um homem ou uma mulher com dignidade nunca fariam. Claro que os apaguei todos, porque não vos quero ver serem incomodados com esta palermice do fulano (fulana?). Apaguei-os no blog, mas todos eles estão guardados em ficheiros de mail, por via das coisas...

Quando não gosto dum espaço, por exemplo por não simpatizar com as pessoas que o frequentam, deixo de o frequentar. Nunca mais lá vou. Já o fiz em muitos blogs, porque tenho mais que fazer que perder tempo com disparates. E sobretudo não estou para gastar o meu precioso tempo, o pouco que me falta viver, a ir lá insultar as pessoas às escondidas. Isso é coisa de garotos e não de adultos.

Pois este tal 'major' - duvido que o seja; conheço muitos e mesmo de patentes muito mais altas e um verdadeiro militar não se comporta com esta falta de brio e honradez -, este auto-denominado 'major' começou por ir ao blog OEIRAS LOCAL, no qual sou colaborador e co-administrador, na medida em que a administração é partilhada a vários níveis entre alguns colaboradores. Neste blog ele começou, logo nas primeiras intervenções que fez, por dirigir insultos a todos os que divergissem da opinião dele. Bastava que alguém dissesse que não concordava com algo que ele tivesse dito para de seguida vir logo um chorrilho de insultos ao 'desalinhado'...
Por este facto a administração do OEIRAS LOCAL tomou a sempre desagradável decisão, por a opção 'só registados' não ter produzido nada de positivo, de lhe começar a apagar os comentários em que ele era insultuoso numa tentativa de o fazer compreender que aquela atitude era contrária aos princípios do blog e apenas criava mau ambiente. O que não só não resultou como teve o efeito inverso. Ele passou a fazer comentários exclusivamente de teor insultuoso, dirigidos quer à administração do blog, representada pela Isabel Magalhães, quer a mim, quer mesmo a outros colaboradores do blog, e comentadores, intervenientes nos debates. Presentemente ele deixa ficar comentários com insultos sem sequer dizer nada a respeito dos temas dos posts onde os coloca. É mesmo só insultos! Chegou à insanidade de fazer copy-paste do mesmo comentário insultuoso e espalhá-lo pelo blog todo! Numa certa noite chegou a pôr ca. 26, todos iguais... imagine-se o DESEQUILÍBRIO MENTAL de alguém que pratica um acto destes!!!
A situação tornou-se de tal forma insustentável que a administração decidiu daí para a frente apagar-lhe todo e qualquer comentário que ele colocasse. O que é, obviamente, um direito absoluto de quem é proprietário dum blog, qualquer blog.

Só que o fulano enveredou, não sei porque carga de água, por tomar-me de ponta. Pelo teor de alguns dos comentários dele, transparece a ideia de que ele acha que eu sou dono do OEIRAS LOCAL e que decidi sozinho apagar-lhe os comentários. Não entendeu que foi uma decisão administrativa, entre todos os colaboradores e a administração, e que só ao fim de muito tempo, devido a ele não mudar de atitude, é que a decisão foi tomada.

E assim AQUI apareceu ele, neste meu blog pessoal, a fazer a mesma coisa que faz no OEIRAS LOCAL. 'Faz' e não 'fez' ou 'fazia', pois ainda não deixou de lá ir verter os mesmos comentários de baixo calibre. Continua a escrever comentários em que se limita a insultar-me, coisa que me passa ao lado, é claro, porque não é um DESEQUILIBRADO que me vai incomodar ou impedir aquele e este blogs de continuarem a ser o que são.

Para tornar mais fácil a gestão de comentários, muito a contragosto porque aprecio o diálogo em tempo real, está ACTIVADA a MODERAÇÃO. Isto permite interceptar qualquer comentário do DITO CUJO antes que apareça no blog, inviabilizando que VÓS, meus QUERIDOS AMIGOS, sejais incomodados por este ENERGÚMENO virtual, por esta alma penada que assombra a blogosfera, sem a mínima noção do ridículo. Acreditem que até já me passou pela cabeça que ele seja o fantasma do Sadam Hussein...

Que isto não vos impeça de aqui vir e comentar. Apenas acontece que vai demorar uns minutos até o vosso comentário aparecer no blog. Mas garanto-vos que aparece!! Os dele é que não... :)

FORTE ABRAÇO!

post scriptum: Penso seriamente se será caso para fazer uma queixa formal junto do SAPO, alojador português do Blogger, para que tal utilizador REGISTADO (logo, por eles identificável a partir do endereço de mail do registo) seja desincentivado deste tipo de práticas, que violam as normas que regem a utilização do serviço.
.

11 comentários:

Direct Current disse...

caga nisso, JA. Diz ao gajo que fui eu. HAHAHAHA

Sulista disse...

Zé não era preciso teres escrito td isto. Corta os comentários anormais e não ligues mais a isso.

BeijOca

José António disse...

.

Caro Direct Current,

Eu cagar, cago.
Neste momento o dito cujo deve estar borrado da cabeça aos pés de merda. SHIT OVER SHIT... :)

No resto, OK.:
— Oh silvério, foi o DC que deu a ordem de comando... AHAHAH

Abraço

.

José António disse...

.

Querida Sulista,

Era preciso e incontornável. É importante que todos percebam quem é esse CAGALHÃO cobardolas que me anda a azucrinar. E não só a mim mas a outra pessoas.

Assim fica mais fácil cortar o pio ao FILHO DA PUTA!

bjs

.

Isabel Magalhães disse...

Zé;

Também podes dizer que fui eu! A administração do O.L. é una e coesa! :)))

No mais, subscrevo a Sulista, não era preciso tanto... e não ligues!:)


***
I.


post acriptum - Gosto do auto-retrato... e da boina! :)

José António disse...

.

Grato pela Vossa solidariedade! Só os AMIGOS verdadeiros a expressam assim com tamanha veemência.

Oh silvério, leste a Isabel, não leste? Precisas de mais palavras para perceberes que estão TODOS contra as tuas atitudes merdosas?

bjs I.

.

OL disse...

"Borrifa-te", Zé!

Também podes dizer que fui eu que votei o apagão e apaguei uns quantos!


abraço.

José António disse...

.

Caro OL,

É claro que tendo a decisão sido, democraticamente, colectiva, entre colaboradores e administração, o meu caro OL foi parte muio activa nessa decisão.

Agradeço o apoio e a tomada de posição.

Um GRANDE abraço!

.

Anónimo disse...

oi, mano velho. cagar não digo mas manda comer um balde de merda a quem te chateia. beijos xuxayte

José António disse...

.

Oi mano novo!

Comer um balde de merda, não digo, mas mandar comer um balde cheio de CAGALHÕES... acho bem.

Bjs do mano velho, extensíveis a toda a família.

.

Anónimo disse...

então, tudo bem por ai. beijos e abraços do mano novo.